Palavra Comunicação

O ano de 2020 foi marcado por eventos astronômicos e conjunções planetárias raríssimos, que por si só já davam sinais de que este seria um ano atípico. O mundo foi surpreendido pelo aparecimento do Coronavírus, o que para especialistas era previsível, já que todos os seres do planeta estão em constante mutação. E, apesar de toda a desolação deixada pelo Covid-19, o vírus deixa um ensinamento importantíssimo para a humanidade como um todo: é preciso dar mais valor à saúde e à qualidade de vida.

É o que afirma a astróloga Paula Bueno, uma das mais renomadas estudiosas dos astros e do zodíaco no Brasil, que garante que estamos no limiar da Era de Aquário, o tão esperado período astral há décadas aguardado, que será marcado pela velocidade na comunicação, avanços notáveis na tecnologia e uma busca da humanidade por mais qualidade de vida, contato com a natureza e preocupação com a saúde.  

“Vemos uma grande transformação ocorrendo no planeta em todas as áreas, desde a econômica com mudanças de consumo e necessidade de adaptação de empresas e do mercado passando pela saúde, qualidade de vida e preocupações com o planeta em vários sentidos”, afirma Paula. Para ela, a entrada dos planetas Júpiter e Saturno no signo de Aquário marca o início do alinhamento planetário da tão esperada Nova Era ou Era de Aquário, que trará com ela uma enorme transformação no planeta, ocasionando mudanças de perspectivas e prioridades que afetarão a vida de todos no planeta.

“Existe um processo de transição em curso e 2021 oferecerá uma grande oportunidade de crescimento e evolução em vários sentidos. É momento de iniciar a preparação para este Tempo Novo”, diz Paula, que além dessas mudanças prevê para os nativos dos signos de Aquário, Gêmeos e Libra – e também aqueles que têm ascendentes ou Lua nestes signos – um 2021 muito melhor em relação aos demais signos. 

A astróloga

Paula Bueno Brandão estuda astrologia e mitologia há mais de 25 anos e escreve para vários veículos de imprensa como alguns da Editora Abril, a exemplo das revistas Claudia e Planeta, além de portais como IG, Uol, Ludovica, Portal Pioneiro de Porto Alegre e Grupo RBS, que atua no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Colabora com alguns programas de rádio como Opinião em Debate, de Rosenwal Ferreira, na Band-GO e FM Sul América e Rádio Nacional, ambas no Rio de Janeiro (RJ). Paula Bueno também é palestrante e realiza atendimento de astrologia online.

              ENTREVISTA

O que seria a Era de Aquário e que benefícios ela traria à humanidade?

A aproximadamente cada dois mil anos acontece uma mudança no ponto da esfera celeste cruzado pelo Sol, o ponto vernal. Assim, acontece uma transição de Era. Quando se observa as eras anteriores, é possível determinar características específicas e marcantes de cada Era e, como já era esperado, a Era de Aquário vem trazendo grandes mudanças. É importante notar que, em se tratando de uma transição tão longa e que envolve uma mudança planetária de evolução e comportamento tão ampla, está transição é um processo que acontece em velocidade e intensidade diferentes no planeta.

O símbolo do signo de Aquário são duas ondas paralelas ♒, e o que temos visto nos últimos anos tem sido um enorme avanço tecnológico, marcado principalmente pela comunicação rápida via internet e satélites, que se utilizam de ondas para trafegar. A democratização do conhecimento , a possibilidade de pequenas empresas e pessoas criarem negócios e se transformarem em grandes empresas como vimos acontecer nos últimos anos na área de tecnologia da informação, a criação de grupos de apoio mútuos as colabs e a preocupação com o planeta são características marcantes desta nova Era de Aquário que já é uma realidade.

O trágico ano de 2020 pode ser considerado o fim de um ciclo astral?

Quando olhamos para trás e observamos a evolução e as conquistas do homem ao longo do tempo, é possível constatar que grande parte dos seres do planeta passou por transformações, desde grandes animais – como os dinossauros, que foram extintos – como mutações de seres microscópicos, como no caso do Coronavírus. Se considerarmos o grande aprendizado que está sendo deixado, não só pelo combate à doença mas com a grande cooperação e esforço global para desenvolver uma vacina e cura para essa pandemia e as demonstrações de empatia que temos presenciado que criam uma corrente positiva, este é sim o fechamento de um ciclo.

Que transformações mais relevantes podem acontecer em 2021?

A grande marca de 2021 será a constatação que o mundo não será mais o mesmo que começou em 2020. Mudanças como o uso de tecnologia em todas as áreas da vida, principalmente o comércio virtual, vieram para ficar. Empresas que não ofereciam serviços online e não se preocupavam em ter espaço, identidade e marca nas redes precisam se adaptar para não sofrerem perdas.

Você fala em transformação da saúde, qualidade de vida e preocupação com o planeta (meio ambiente). Como essa transformação se dará em 2021?

Essa transformação se dará principalmente em relação à qualidade de vida, e a saúde será vista no sentido mais amplo, principalmente a saúde emocional e mental que foi tão abalada em 2020. Essa preocupação irá refletir em várias escolhas, principalmente nas de consumo, na busca de um olhar mais cuidadoso para consigo mesmo e na busca de mais bem estar e qualidade de vida.

Alguns signos em específico poderão se dar melhor em 2021? Em caso positivo, quais e por quê?

Com a entrada de Júpiter e Saturno em Aquário recentemente, quem tem ascendente, Lua ou signo solar em Aquário, Gêmeos e Libra, que são signos do elemento Ar, serão bastante beneficiados em 2021, e também os nativos do signo de Sagitário, também considerando quem tem ascendente, Lua ou este signo solar.

Saúde, amor, dinheiro ou que outro aspecto da vida humana será mais favorecido no ano que se inicia?

A pandemia trouxe à luz a importância da saúde e a valorização da vida, bens preciosos que muitas vezes não reconhecíamos o valor. A busca por cura não só do Coronavírus como de sequelas físicas e emocionais trará de volta práticas mais naturais usadas pelos nossos antepassados, como a medicina alternativa que se utiliza de chás e ervas, práticas de meditação, yoga, ferramentas de autoconhecimento como a astrologia, uma alimentação mais saudável e uma relação mais próxima com a natureza.