(Divulgação)

Um almoço celebrará a reinauguração do Centro de Equoterapia Curralinho, em Itaberaí, na próxima sexta-feira (15), das 09h às 12h, localizado na estrada que liga Itaberaí a Itaguari (BR 070), após ponte do Rio José Manoel na primeira entrada à esquerda. O evento contará com uma demonstração de resultados de três participantes de equoterapia com diagnósticos distintos que serão atendidos ao vivo pela equipe multidisciplinar. O objetivo é apresentar os benefícios obtidos através das intervenções terapêuticas com o uso do cavalo.

O Centro faz parte do Programa Equoterapia do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural-  Senar Goiás, que destina-se às pessoas com deficiência e/ou necessidades especiais e profissionais das equipes multidisciplinares cujo objetivo é auxiliar no processo de desenvolvimento para reabilitação, socialização e reinserção social das pessoas atendidas, proporcionando a melhora da qualidade de vida dos praticantes e seus familiares. O Programa possui 33 Centros Ativos no Estado e conta com o apoio dos Sindicatos Rurais tornando mais acessível à população esse método terapêutico considerado bastante eficaz.

A equipe multidisciplinar de profissionais do Centro de Equoterapia Curralinho é composta por profissionais das áreas de saúde e educação como fisioterapeuta, psicóloga, instrutor de equitação e psicopedagoga. A idealizadora e coordenadora do projeto, Mônica Meyer também presidente do Sindicato Rural de Itaberaí frisa que sua experiência na área veio pela superação emocional e psicológica conseguida com o auxílio de um cavalo, que a despertou com o desejo de alcançar outras pessoas. “Decidi proporcionar um leque de atuação mais amplo incluindo a reabilitação física, educacional e motora. Por isso, no nosso espaço físico todos os profissionais atuantes no Centro são submetidos a um intenso processo de qualificação, a fim de prestarem um serviço de alta qualidade e altura da dignidade do ser humano,” completa ela. Autoridades locais, parceiros, voluntários e comunidade em geral participarão do evento.

Centro de Equoterapia Curralinho

Trata-se de um forte defensor de cunho social com atuação dentro da modalidade terapêutica que associe a reabilitação à prática educacional e esportiva, instigando motivação por parte do reabilitando na utilização do cavalo como agente. O Centro atende participantes de Itaberaí e região oferecendo atendimento às famílias de baixa renda e com análise da gravidade da deficiência que é realizada pela equipe multiprofissional.

O que o diferencia no município é a capacidade de proporcionar melhora significativa nas partes motora, psicológica, física, intelectual e educacional dos praticantes. A metodologia praticada segue o preenchimento de uma pré-inscrição, o encaminhamento do praticante à equipe multiprofissional e uma triagem de acordo com as prioridades. O programa é dividido em quatro etapas: hipoterapia, educação/reeducação equestre, pré-esportivo e prática esportiva paraequestre.

Os resultados alcançados são impressionantes e todos documentados através de dados, que correspondem aos benefícios da equoterapia nos aspectos motores, sensitivos e sociais trazendo experiências e redução de queixas. Os relatos dos pais e responsáveis também são observados no tratamento. Existem melhoras significativas quanto ao equilíbrio, tônus muscular e posturas no geral. Quanto ao programa de educação/reeducação, os pontos positivos apresentados se tratam quanto a diminuição da quantidade de queixas (comportamentos problema), aquisição de novas habilidades, melhora na linguagem oral, gestual, bem como nos aspectos biopsicossociais. (Precisa Assessoria de Comunicação / Caroline Santana)

Serviço:

Tema: Reinauguração do Centro de Equoterapia em Itaberaí

Dia: 15 de março de 2019 (sexta-feira)

Local: Centro de Equoterapia Curralinho – Estrada que liga Itaberaí a Itaguari (BR 070), após ponte do Rio José Manoel. Primeira entrada à esquerda (em frente a placa do km 185), porteira branca; 8 km de Itaberaí

Horário: 09h às 12h