Cantora pediu aos seus fãs que auxiliem a ONG Amigos do Bem, que perdeu todo seu material de auxílio em um incêndio em Pernambuco

image001

Os Amigos do Bem receberam uma grande ajuda para auxiliar na recuperação do incêndio ocorrido em seu galpão principal, no Vale do Catimbau, estado de Pernambuco. A cantora Claudia Leitte, parceira dos projetos da ONG, celebrou no dia 10 de julho, mais um ano de vida e pediu que seus fãs ajudem os Amigos do Bem com doações como forma de presenteá-la nesta data especial.

Em sua fanpage no Facebook, Claudia Leitte postou: “Oi pessoal, no meu aniversário sabe qual é o presente que eu quero? Sua ajuda para os Amigos do Bem. A partir de R$ 10,00 você já ajuda muito. Faça um depósito na Caixa ou em qualquer lotérica, na conta 600-7 agência 4679 (operação 003) ou acesse www.amigosdobem.org e faça sua doação. Se quiser tem um link no meu perfil para você clicar. Eu tô esperando seu presente, ok! Curta e compartilhe #deamigopraamigo”

Claudia Leitte já é uma “Amiga do Bem” há algum tempo e participa de diversas ações da instituição, como campanhas de arrecadação. Desde agosto de 2015, as campanhas institucionais da ONG são criadas pela agência de publicidade DM9DDB. Já a agência NewStyle é a responsável pelas campanhas promocionais e de ativação da instituição.

Em 29 de maio um incêndio de grandes proporções destruiu o galpão onde os Amigos do Bem armazenavam 32 mil cestas básicas, 65 mil brinquedos, 1.200 bicicletas, além de outros itens como roupas, calçados, materiais eletrônicos e pedagógicos, ferramentas e maquinários. Uma área de mais de 3.000m² foi destruída pelo fogo, impossibilitando a continuidade do trabalho assistencial.

O galpão também armazenava todo o estoque de castanhas, a produção de um ano inteiro de trabalho, que seriam beneficiadas para a comercialização em São Paulo.

Para doar e saber mais sobre o projeto, acesse: amigosdobem.org

Sobre os Amigos do Bem
O trabalho começou em 1993, liderado por Alcione de Albanesi, e se tornou um dos maiores projetos sociais do Brasil, atendendo 60 mil pessoas, no sertão de Alagoas, Pernambuco e Ceará. O objetivo da Instituição é combater a fome e a miséria e promover a transformação de vidas através de diversos projetos educacionais e autossustentáveis. A instituição já construiu quatro Cidades do Bem, dotadas de completa infraestrutura, e Centros de Transformação para atender 10 mil crianças e jovens, com ensino regular e cursos profissionalizantes. Além disso, desenvolve o potencial de cada localidade, com projetos que geram renda e trabalho para milhares de pessoas. Concentrados na cidade de São Paulo, mais de 5 mil voluntários multiplicam-se na tarefa de fazer o Bem, contribuindo para o atendimento mensal das 11 mil famílias atendidas. (Máquina Cohn & Wolfe )