A depilação com cera, que antes era vista como um ritual de beleza exclusivamente feminino, passou a ser um hábito ainda mais comum entre os homens. Esportistas, fisiculturistas ou simplesmente por pura vaidade, eles têm encarado a depilação como algo corriqueiro, já que hoje 28% deles (segundo pesquisa da Procter & Gamble) afirmam retirar os pelos de maneira freqüente.

“A procura por depilação masculina tem aumentado muito nos últimos anos, tanto que uma das unidades da By Pello foi pensada justamente para atender este público. Criamos uma sala de espera e de atendimento exclusivas para eles ficarem mais a vontade. Além disso, percebemos que muitos levam anestésicos tópicos para aguentar a dor, que as mulheres tiram de letra”, afirma Fernanda Ribeiro, fundadora da rede By Pello – Depilação e Bronzeamento.

Barba, costas, pernas, peito ainda são os locais mais depilados por eles. “Muitos têm buscado a depilação por estética mesmo, mas no começo a maioria dos clientes eram esportistas, fisiculturistas que nos procuravam. Hoje já não existe um perfil, de jovens a executivos, e independente da orientação sexual, todos têm buscado este tipo de serviço”, conta Fernanda Ribeiro.

Para a fundadora da By Pello, os homens costumam ser mais fiéis aos  prestadores de serviço do que o público feminino. “Oferecemos os mesmos cuidados aos dois públicos: materiais 100% descartáveis, maca com esteira de massagem, finalização com alta frequência, mas percebemos que o homem, quando gosta de um serviço, dificilmente testa outros lugares. Por isso, investimos em uma unidade mais direcionada a eles. Queremos ser referência também para este público e também para para outros serviços como o Bronzeamento a Jato”, reforça. (Flötter e Schauff Assessoria de Imprensa)