Bianka Muniz

O projeto “Costurando Poemas” ofereceu curso de costura industrial para transexuais e travestis
Um grupo de transexuais e travestis formadas em costura industrial e Design de Moda pelo projeto “Costurando Poemas” irá participar do desfile de abertura do Mega Moda Fashion 2019 (MMF 2019), o qual será realizado dia 14 de agosto. Além de peças confeccionadas pelas próprias ex-alunas e alunos, o desfile contará também com coleção desenvolvida pelo artista goiano Hector Angelo, que é internacionalmente conhecido por se inspirar em temas ligados às questões de gênero, inclusão racial e protestos contra qualquer tipo de bullying.
O projeto “Costurando Poemas”, promovido pelo Ministério Público do Trabalho em Goiás (MPT-GO) em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), ocorreu entre janeiro e abril de 2019 e ofereceu curso de costura industrial para uma turma de pessoas trans e travestis. A iniciativa faz parte de uma série de projetos dos referidos entes que tem como objetivo empregar e incluir públicos em situação de vulnerabilidade social. Além de cursos de profissionalização técnica, são oferecidas rodas de conversa, oficinas e workshops que visam a promover a formação humana dos participantes.
Por meio da parceria do MPT-GO com o Grupo Mega Moda e o artista Hector Angelo, as ex-alunas do “Costurando Poemas” estarão na passarela do MMF 2019 para “contar suas histórias”. O desfile tem como objetivo apresentar a importância do não preconceito e a inclusão de pessoas trans nas organizações, ambientes tradicionais de trabalho, além do fomento ao empreendedorismo.