Evento acontece de 21 a 24 de setembro e terá como atrações principais escritora Roseana Murray e vlogueira Kéfera

Com o tema “Literatura, Patrimônio e Inclusão”, a Festa literária de Pirenópolis (Flipiri) começa no dia 21 e segue até o dia 24 de setembro na centenária cidade goiana. Esta será a nona edição do evento, que a cada ano cresce e atrai mais visitantes, além de envolver, todo ano, mais escritores, ilustradores, estudantes, professores e moradores daquela cidade. Até o momento, já confirmaram participação no evento 42 convidados, sendo 20 da Casa de Autores de Brasília, sete ilustradores e 15 escritores convidados. Dentre eles, o destaque é a premiada autora de livros infantojuvenis Roseana Murray, além da atriz, vlogueira, apresentadora e escritora juvenil Kéfera Buchmann.

Para este ano, a programação prevê uma intensa agenda de atividades, como palestras itinerantes de Roseana Murray, oficina para professores das redes municipal e estadual, o encontro de ilustradores e o debate principal desta edição, sobre o tema escolhido para este ano, com foco na inclusão, a ser conduzido pelo psicanalista William Amorim. Em relação ao outro eixo temático da Flipiri, a memória, haverá uma discussão sobre patrimônio a partir da exibição de um longa sobre a cidade de Pirenópolis, produzido pelo arquiteto Frederico de Holanda.

Já os jovens vão se deliciar com as dicas e conselhos da vida dos adolescentes, suas dúvidas e angústias com a youtuber e escritora Kéfera, uma das estrelas da Festa Literária de Pirenópolis. Também haverá o lançamento da antologia poética Um Feixe de Luz, concebida por vários artistas locais integrantes da Academia Pirenopolina de Letras, o encontro de curadores de festas literárias, como as das cidades mineiras de Araxá e Uberlândia, Ponta Grossa (PR), Porto Alegre (RS) e, claro, a de Pirenópolis. A vasta programação terá ainda mesas de autógrafos com autores de Pirenópolis, Brasília e outras cidades – incluindo autores independentes – e apresentações de artistas goianos e de Pirenópolis, em especial.

Homenageados

Este ano, os artistas homenageados são os escritores Guido Heleno e Marieta Souza Amaral. Ele, nascido em Anápolis, faleceu recentemente e foi, além de escritor, professor, revisor, e intelectual reconhecido por onde passou, a exemplo de Belo Horizonte e Porto Alegre, cidades onde morou. Já Marieta é uma poetisa, escritora e contadora de causos de Pirenópolis, reconhecida com o título de mestre Griô (mestre da vida simples que passa suas experiências pela tradição oral).

Nesta edição, a itinerância, uma marca da Festa, continua com o Circuito Flipiri, que leva o evento para vários locais da cidade, seja na zona urbana ou na rural, a fim de envolver na literatura e em outras formas de expressão o máximo de pessoas possível.  Também continua a doação de livros às bibliotecas escolares e outras instituições, prática que vem desde a primeira edição e que conseguiu, ao longo de oito anos, arrecadar mais de 5.400 livros, o que equivale a mais de R$ 135,5 mil.

A Flipiri é uma realização da Casa de Autores de Brasília e da Prefeitura de Pirenópolis.  Tem o apoio institucional do Fundo de Arte e Cultura de Goiás, da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), produção do Instituto Pireneus e Arte Plena e apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Ministério da Cultura e governo federal. (Palavra Comunicação)

PROGRAMAÇÃO DA 9ª FESTA LITERÁRIA DE PIRENÓPOLIS – FLIPIRI 2017

Celebrando o Patrimônio e a Inclusão

 21 DE SETEMBRO – QUINTA-FEIRA

Cine Pireneus

19h – Premiação e lançamento da exposição itinerante dos fotógrafos da 5ª maratona fotográfica de Pirenópolis e dos alunos da escola estadual Cristovam de Oliveira, participantes da primeira maratona nas escolas.

 

22 DE SETEMBRO – SEXTA-FEIRA

SEXTA PEDAGÓGICA – OFICINAS PARA PROFESSORES

Colégio Estadual Comendador Joaquim Alvez

10h às 12h – Oficina de Cena – com Liduína Bhartolo – Sala 1

– Oficina “Educação financeira infantil – Plantando o futuro” com Álvaro Modernell – Sala 2

– Oficina “Contação de histórias para crianças” com Rose Costa e Hozana Costa – Sala 3

– Oficina “Livro, um aliado na educação escolar” com Regina Mendes.

– Oficina “A arte de encantar com histórias” com Tânia Loureiro Peixoto.

– Oficina “Família, afeto e finanças” com Angélica Rodrigues Santos e Rogério Olegário do Carmo.

– Oficina “Desenvolvendo projetos de leitura na escola” com Iris Borges.

– Oficina “A importância da leitura nos primeiros anos de vida” com Maria Elaine Cambraia.

 

14h às 16h – Oficina “A criatividade no trabalho pedagógico” com Simão de Miranda.

– Oficina “Cultura popular e literatura infantojuvenil” com Maurício Melo Júnior.

– Oficina “Brinquedos Cantados” com Hozana Costa e Rose Costa.

– Oficina “O Cerrado e o meio ambiente em sala de aula” com Yana Marull.

– Oficina “Literatura de jovens e para jovens” com Bárbara Morais.

– Oficina “Ensino de língua portuguesa” com Lucília Garcez.

– Oficina “Eu posso escrever um livro” com Dad Squarisi.

– Oficina “Para escrever bem” com Clara Arreguy.

– Oficina “Identidade” com Roseana Murray.

 

Centro de Arte

17h – Apresentação do Sarau Poético Academia Pirenopolina de Letras, Artes e Música (Aplam).

 

Salão Paroquial

18h30 – Apresentação do grupo musical EnCanto

19h – Cerimônia de Abertura Homenagens a Guido Heleno e Marieta Sousa Amaral.

21h – Show com Xangai.

22h – Shows Piri Happy – MC Murcego, Banda Erotori e Cris SNJ.

 

23 DE SETEMBRO – SÁBADO

Salão Paroquial

 

10h às 12h – Abertura do 4º Encontro Flipiri de Ilustradores. Mesa 1: Ilustradores Jô Oliveira, Romont Willy e Adriana Mendonça.

14h às 18h – Encontro Flipiri de Ilustradores. Mesa 2:  Ilustradores Chiquinha, Valdério Costa, Ana Terra,  Volney de Lagolândia.

19h às 20h – Mesa com Roseana Murray e Willian Amorim de Souza.

Salão Paroquial – Centro de Artes e Música

14h às 16h – Oficina de ilustração com Therese Behr

16h às 18h – Oficina de ilustração com Valdério Costa (Introdução à ilustração)

 

Cine Pireneus

10h às 12h – Sessão de cinema e debate com Willian Amorim de Souza. Filme: Nunca me Sonharam.

14h – sessão de cinema e debate com Willian Amorim de Souza. Filme: Como Estrelas na Terra.

15h às 16h – Filme: Sobre Pirenópolis, de Frederico Holanda, seguido de Roda de Conversa, com Clara Aluim, Frederico Holanda, Hermano Viana, Salma Saad.

17h às 18h – Apresentação do dossiê da Festa do Divino 2017 – João Guilherme e Tereza Caroline.

18h às 20h – Aula espetáculo: 7 pecados da língua, com Dad Squarisi, Sandra Duailibi e Therezamaria.

21h – Show com Sandra Duailibi.

22h – Serenata do grupo Pirenópolis, Ontem, Hoje e Sempre – Saída do Cinema pelas ruas do Centro Histórico.

Tenda

10h às 12h – Flipiri – Kéfera

15h às 16h – Oficina de Flores de Mascarado, de Bordado, Estandarte e Máscaras – Projeto Salvaguarda Festa do Divino Espírito Santo

22h – Shows Piri Happy – San MC, Quadrilha Intelectual, Aborigene GOG.

 

Anfiteatro Largo da Matriz

15hApresentação grupo de danças Folclóricas Flores do Cerrado – Profª Mônica

16h – Apresentação do grupo de chorinho (Jerônimo Forzani e banda).

 

24 DE SETEMBRO DOMINGO

Salão Paroquial

10h – Memórias Sentimentais com Elder Rocha Lima e Nicolas Behr.

14h às 17h – As Festas Literárias Mansur Bassit Gramont, Afonso Borges, Mario Helio (Fliporto)

18h – A incrível máquina de criar realidades – como usar seu cérebro para criar um novo eu, com Wallace Liimaa.

 

Tenda

9h30 – Encontro de Cultura Popular e Tradicional de Pirenópolis.

10h – Flor de Pequi

11h – Apresentação dos Alunos do Centro de Artes Ita e Alaor – Violões, com Prof. Fabrício de Pina.

14h – Apresentação do Grupo Folclórico Banda de Couro – Coordenação de Genivaldo de Sá.

15h – Cantigas de trabalho – Cristina Campos

16h – João Paulo – Viola

18h – Shows Piri Happy – Erotori

 

Escadaria – Largo da Matriz

17h – Show Musical dos Trovadores dos Pirineus