De forma simples, prática e solidária a startup get2gether fomenta o hábito de doar no país, permitindo que pessoas e empresas contribuam com causas sociais e ao mesmo tempo ganhem benefícios

 

Já pensou em uma plataforma online que permita a você contribuir financeiramente com causas sociais e, ao mesmo tempo, ofereça descontos em produtos e serviços de seu interesse? Aproximar e reconhecer pessoas, empresas e causas humanitárias dentro de um modelo sustentável: é essa a proposta da startup get2gether (G2G),idealizada pelos sócios paulistanos Bruno Ramuth e Fernando Branco, jovens que abriram mão de carreiras promissoras para se dedicarem a promover uma corrente do bem que incentive a cultura de doação no Brasil.

Biomédico, 26 anos, Bruno Ramuth começou sua especialização em acupuntura com a intenção de ajudar as pessoas a aliviarem dores, tensões e emoções. Já o administrador Fernando Branco, de 26 anos, trabalhou em uma das maiores redes de televisão e em uma das principais agências de marketing do país. Mas nenhumas das profissões foram capazes de torná-los realizados profissionalmente. As questões sociais e sensíveis que assombram o país sempre influenciaram seus pensamentos.

“Não enxergava como meu trabalho poderia contribuir socialmente e a vontade de querer fazer algo útil, que traga benefícios reais as pessoas, tomou conta da minha cabeça. Foi quando encontrei o Million Dollar Homepage, onde o criador vendeu 1 milhão de pixels por um dólar cada, arrecadando esse montante de forma muito simples. Este projeto despertou minha curiosidade e o pensamento do por que não fazer algo parecido, mas voltado às causas sociais”, conta Branco. Foi a partir dessa vontade de mudança que os sócios fundaram a startup get2gether que, alinhada aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (Organização das Nações Unidas), tem como essência incentivar a doação conectando pessoas, ONGs e empresas.

get2gether funciona como uma empresa de marketing social, que cria ações, produtos e serviços inovadores que sejam capazes de reduzir as desigualdades sociais. “Queremos que todos ganhem com esse negócio. A ONG recebe doações e tem mais condições de realizar suas ações. O doador ganha benefícios de empresas parcerias que acreditam nessa forma de transformar vidas e os parceiros atrelam suas marcas a causas sociais, abrem um novo canal de interação com o consumidor, constroem novas percepções e ajudam instituições sem fins lucrativos a se manterem vivas”, explica Ramuth.

Com quase dois anos de existência, a get2gether já realizou grandes cases. O primeiro foi a parceria com o Clube-dos-Vira-Latas durante a Copa do Mundo de 2014, com a criação da campanha #TorcidaViraLata. Alguns cães da ONG foram vestidos com a camisa da seleção brasileira para chamar atenção e captar recursos para a instituição através da plataforma da empresa. Com a possibilidade de doar a partir de apenas R$ 2 reais, foram arrecadados mais de R$ 17 mil, que possibilitaram a compra de cerca de 30 instrumentos cirúrgicos para os veterinários.

Mais recentemente, a empresa realizou também a campanha #AmigoTricolor (www.amigotricolor.com.br), uma ação inédita na história do futebol. Junto ao São Paulo Futebol Clube, um dos maiores times do país, a campanha conscientizava as pessoas sobre a causa animal. Em um clássico contra o Palmeiras, no dia 27 de setembro de 2015, os jogadores entraram em campo com cães de nove diferentes ONG’s que trabalham salvando animais e levando-os à adoção. Diversos artistas, jogadores, músicos e personalidades participaram e contribuíram com seu apoio. Marcas como Pedigree e Petz também marcaram presença na campanha. Foram arrecadados R$ 3 mil pelo hotsite do projeto, por volta de 14,5 toneladas de ração e, ao final, 56 cães e 12 gatos foram adotados.

Clube do Bem

As campanhas personalizadas pela get2gether são algumas das ações pontuais que empresas ou ONGs desejam realizar para conscientizar a população sobre um tema, gerar engajamento social e captar recursos. Porém, o carro-chefe da startup visando a cultura de doação é o Clube do Bem, um programa de vantagens para sócios doadores. O participante escolhe o valor de uma assinatura (entre R$ 15, R$ 35, R$ 55 ou R$ 100) e apoia mensalmente ONGs cuidadosamente selecionadas. Em contrapartida, a get2gether oferece ao público benefícios, descontos ou vantagens em diversas empresas parceiras para reconhecer a doação e atrair mais doadores recorrentes. Hoje já são 40 sócios doadores nessa rede do bem.

Similar ao Clube do Bem, as empresas também podem adotar uma assinatura mensal, que as garantirá um selo de responsabilidade social, ações de marketing e de mídia do bem, além de uma série de vantagens aos seus colaboradores e funcionários. Parte desse valor é automaticamente destinado igualitariamente às ONG’s apoiadas pela get2gether. O restante é investido em ações de reconhecimento da empresa e divulgação dos impactos sociais conquistados. E, por fim, ao funcionário de cada empresa adepta é concedido o acesso a plataforma de vantagens exclusivas, que contempla mais de 550 parceiros, para que os colaboradores aproveitem descontos nas mais diversas categorias.

Atualmente, a get2gether conta com 11 importantes nomes do Terceiro Setor como Aldeia Infantis, APAF, Casa do Zezinho, Clube dos Vira-Latas, Iniciativa Verde, Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ), Instituto George Mark Klabin (IGMK), Missão São Lucas, Pró-Saber SP, Street Football World e Turma do Bem, além de oferecer vantagens em mais de 550 empresas, como Cinemark, Netshoes, Saraiva, Pão de Açucar, Nespresso, Drogasil, Natura, Hotel Urbano e Walmart, entre outras. “Esse ano queremos alcançar um número impactante de sócios doadores e, consequentemente, ajudar mais causas. Aos poucos, mas sempre em frente, vamos transformar a nossa realidade”, comenta Bruno Ramuth. (Maria Fernanda Pugliesi)

Os resultados até hoje

– R$ 29 mil arrecadados com as iniciativas G2G

– 17 ONG’S apoiadas com iniciativas G2G

– 40 sócios doadores do Clube do Bem

– 618 empresas já oferecem descontos para os doadores

– 3 empresas já realizaram uma companha com a get2gether

– 23 crianças encaminhadas p/ tratamento odontológico

– 24 leites de Soja p/ crianças c/ intolerância a lactose

– 27 jovens assistiram uma aula educacional

– 65 crianças receberam uma refeição completa

– 120 crianças atendidas pelo projeto Se Cuida Zezinho

– 15 crianças receberam material escolar

– 170 cães vacinados

– 68 animais adotados

– 14,5 toneladas de ração foram arrecadadas

– 30 instrumentos cirúrgicos veterinários

– 20 árvores plantadas

– $350 em ajuda humanitária a África

– 1 ação inédita na história do futebol

– 11 camisas oficiais autografadas

– 10 prêmios sorteados para doadores

– 2 campanhas personalizadas realizadas