A atual crise econômica pode até desanimar na hora de converter as moedas. Mesmo assim, o Walt Disney World, em Orlando, permanece como o destino mais procurado por muitos brasileiros que buscam diversão com a família, repleta de momentos memoráveis, descontração e alegria. E pode ser também uma forma de gastar mais dinheiro do que o desejado.

A Parques e Ingressos, revendedora oficial de tickets para parques e atrações turísticas dos Estados Unidos, Emirados Árabes e Inglaterra, sabe que, para não haver surpresas financeiras desagradáveis depois de uma viagem, algumas precauções antes e durante o passeio devem ser tomadas.

Uma lista de cuidados exclusiva da Parques e Ingressos ajuda o viajante a planejar as férias dos sonhos. Entre as dicas, estão viajar fora de temporada, pesquisar bem a hospedagem, comprar ingressos com antecedência e se controlar nas compras de recordação, atitudes favoráveis à economia.

Outro jeito de economizar e não perder as atrações da Disney é o ingresso Magia à sua Maneira com Parque Aquático e Mais Diversão. Com ele, é possível garantir a entrada para diversos passeios, como os parques temáticos Magic Kingdom e Disney’s Hollywood Studios, parques aquáticos e diversas outras atrações. Recomenda-se um mínimo de seis dias para curtir a magia Disney. Atrações como o I-Drive 360 e o Wonderworks também ajudam a poupar e a garantir momentos inesquecíveis.  

Mais uma maneira de gastar menos durante a viagem é revezar as compras entre os cartões de crédito, de débito e dinheiro vivo e saber onde investir. Assim, nem a crise na economia vai impedir que a tão sonhada viagem aconteça. (Fundamento)