Imprensa Interativa

O evento será realizado no dia 16 de janeiro e contará com a presença do presidente nacional da Cufa, Preto Zezé, que lançará seu livro “Das quadras para o mundo”

Acontece no próximo sábado, dia 16 de janeiro, o Encontro Regional da Central Única das Favelas de Goiás (Cufa GO), no Passeio das Águas Shopping. O evento tem como objetivo apresentar o balanço das ações realizadas em 2020, o planejamento da instituição para 2021, além de discutir a retomada de alguns projetos importantes que foram paralisados no ano passado em virtude da pandemia do coronavírus.

“É muito importante termos em mente que vamos precisar retomar os diversos projetos da instituição este ano, projetos educacionais, esportivos, culturais e de capacitação profissional, tomando os cuidados necessários e conciliando com as ações assistenciais que já desenvolvemos em 2020, porque muitas famílias ainda estão sofrendo por falta de emprego ou renda. Então, o encontro nos permite planejar a melhor forma de executar essas ações”, destaca o presidente da Cufa GO, Breno Cardoso.

Quem também marcará presença no evento é o presidente nacional da Cufa, Francisco Batista Pereira de Lima, mais conhecido como Preto Zezé. Ele aproveitará a oportunidade do encontro para lançar seu livro “Das quadras para o mundo”, da editora Cene. A publicação traz, em 192 páginas, a trajetória de Preto Zezé, que saiu da favela e se tornou uma grande liderança nacional e internacional em defesa das pessoas que moram em regiões de vulnerabilidade social.

O livro trata também sobre o racismo e ativismo social, além de todos os dilemas de quem vive isso no dia a dia. Inclusive, a Cufa e o Preto Zezé são protagonistas na iniciativa Frente Nacional Antirracista, um movimento que reúne 600 parceiros, entre empresas e instituições brasileiras, que estão unidos em busca de soluções para o enfrentamento do racismo estrutural no Brasil. O lançamento do livro acontecerá das 14h às 15h30.

Para Breno Cardoso, a vinda de Preto Zezé para o Encontro Regional é de extrema importância. ”Preto Zezé, além de liderança internacional da Cufa, tem uma vasta experiência na militância social e é um dos fundadores da Frente Nacional Antirracista. Contar com a presença dele no nosso encontro e trazer o lançamento do seu livro para Goiânia é uma experiência muito positiva, não só para nós, da Cufa GO, mas para todos os que se preocupam com questões como desigualdade social, racismo e empreendedorismo social no estado”, comenta.

Atuação da Cufa em Goiás

Presente em Goiás há mais de 10 anos, a Cufa conta com lideranças espalhadas em 22 cidades goianas, o que permite ajudar a melhorar a qualidade de vida das pessoas que vivem em 247 comunidades pobres no estado. Sempre de olho na potência da favela, a instituição investe em ações que permitem oferecer novas oportunidades às pessoas que vivem em situação de desfavorecimento social. 

Com a ajuda de empresas, apoiadores e voluntários, a instituição contribuiu com 91 mil famílias em 2020, distribuindo mais de 129 mil toneladas de donativos das mais diversas espécies, de cestas básicas a carnes, bem como proteínas, brinquedos, entre outros itens.

Segundo o presidente da Cufa GO, Breno Cardoso, além de desenvolver ações humanitárias, a instituição sempre se propôs a ser muito mais que uma entidade assistencial. “Prova disso são nossos projetos de empreendedorismo, através do Curso de Capacitação “Bora Agora Empreender” e educação, através do Curso Preparatório para o Enem Aperte o ESC”. Ele relata ainda que as atividades culturais e esportivas, que já fazem parte de um calendário tradicional da entidade, foram todas suspensas em 2020 devido à pandemia, e a Cufa GO foi encontrando novas formas de continuar presente na vida das pessoas, atenta às necessidades da população mais carente. 

Durante o ano de 2020, as famílias também foram beneficiadas com a maior ação de transferência de renda já operada por uma ONG no país: Mais de R$ 7 milhões, em cartões com crédito de R$ 240, foram entregues a mulheres que, em muitos casos, sustentam sozinhas suas famílias. A ação, do Programa Mães da Favela, possibilitou que elas fizessem as suas compras mensais e ainda permitiu que o dinheiro voltasse a circular nas regiões onde elas vivem. Outra ação permitiu que essas famílias rompessem o isolamento digital, por meio da doação de chips de celular com internet e ligações liberadas, no programa Alô Social.

Para 2021, a ideia é continuar com as ações de arrecadação e entrega de donativos, já que a pandemia não acabou, retomar projetos, como a Taça das Favelas e o TOP Cufa, além de gerar outras oportunidades de desenvolvimento e qualidade de vida para que essas pessoas possam sair desta condição de vulnerabilidade social.

Evento

Encontro Regional da Central Única das Favelas de Goiás (Cufa-GO)

Data: 16 de janeiro (sábado)

Horários: Lançamento do livro: das 14h às 15h30

Encontro Estadual: das 16h às 18h

Local: Passeio das Águas Shopping