Fotografias 2

Desde que surgiu, a fotografia sempre esteve presente no cotidiano das pessoas. Cada registro carrega uma mensagem, um contexto, um momento que não se repetirá. Uma viagem, um pôr do sol, um prato gastronômico, uma selfie. Histórias têm sido construídas através de memórias e registros, compartilhados em escala global ou arquivados de modo digital.

Com as evoluções tecnológicas, houve a democratização das câmeras digitais, com modelos e preços variados. Além disso, as câmeras estão cada vez mais integradas aos dispositivos móveis, como smartphones e tablets, por exemplo. Através deles, é possível manipular imagens com alterações em seu brilho, cor e nitidez, acrescentar filtros, programar o disparo da captura e publicar, instantaneamente, o registro obtido em redes sociais.

Apesar das vantagens, as ferramentas digitais apresentam alguns riscos. Entre eles estão os roubos dos celulares, as panes técnicas dos dispositivos e a possibilidade de CDs e HDs externos se corromperem com o tempo.

Em entrevista recente a um jornal americano, Vint Cerf, vice-presidente do Google e um dos pioneiros da internet, revelou estar preocupado com as imagens que não estão impressas ou reveladas. Segundo ele, os sistemas operacionais e softwares que armazenam arquivos e fotos digitalmente, são atualizados de forma constante. Para Cerf, não há garantias de que esses arquivos sejam mantidos disponíveis por muito tempo.

Nesse sentido, a busca pelo resgate aos moldes tradicionais, a revelação das fotos, é a forma mais segura de se guardar as recordações. Através dela, momentos como nascimentos, gestação, batizados, aniversários, casamentos, bodas, formaturas, viagens, comemorações em família, o encontro com um amigo, são eternizados de forma palpável e duradoura. Para os adeptos, mais importante do que registrar os momentos vividos, é guardar as fotos em um lugar seguro para relembrá-las com frequência.

Além da segurança de arquivamento, as fotos reveladas têm ganhado espaço no universo da decoração. Entre os destaques, encontram-se os murais de fotos, pôsteres e porta retratos, além da diversidade em fotoprodutos disponíveis no mercado, como canecas e álbuns personalizados etc.

Outra questão importante é a praticidade existente atualmente para a revelação de fotos. Algumas empresas, além de proporcionarem rapidez na entrega das fotos, que são reveladas em até uma hora por preços acessíveis, elas ainda tem desenvolvido aplicativos para smartphones que agilizam o pedido, permitindo que as fotos desejadas sejam pré-selecionadas pelo próprio cliente em seu celular. Outra facilidade são empresas que se especializaram em oferecer revelação através de sites e entrega a domicílio. (FatoMais Comunicação)