HMI Comunicação

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), estima-se que 65.840 novos casos de câncer de próstata ocorram somente neste ano de 2020. Diariamente, 42 homens morrem em decorrência da doença e, aproximadamente, 3 milhões vivem com esse tipo de câncer.

Para alertar sobre a doença e estimular os homens a se cuidarem, o Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento (HMI) por meio dos setores do Núcleo de Vigilância Epidemiológica Hospitalar (NVEH), Psicologia e Serviço Social, promoveu ações informativas nos dias 17 e 26 de novembro.

No dia 17, a auxiliar de enfermagem Cecília Francisca Magalhães, de forma temática, se vestiu de homem, e passou em todos os departamentos, destacando sobre a importância do colaborador se cuidar e orientando sobre o câncer de próstata. Também distribuiu bombons com um cartão alertando “Prevenir é a melhor forma de se cuidar!” e no dia 26, foi a vez das psicólogas Andressa Barcelos e Juliana Coimbra passarem nos setores do hospital conscientizando os colaboradores sobre o câncer de próstata, com distribuição de folhetos informativos sobre a doença, lembrando que “Cuidar da saúde também é coisa de homem.”

Os colaboradores da unidade aprovaram as ações. “Achei um evento muito importante, pois trouxe além da orientação, o incentivo para que nós, homens, possamos realizar os exames no tempo certo e evitar complicações”, pontuou o colaborador Valter Ataíde de Oliveira. “É muito bom esse alerta pra a gente. É necessário prevenir para não lamentar depois”, salientou o colaborador José Cândido.

“Procuramos uma forma didática e divertida de chamar a atenção dos homens para a sua saúde. Para fortalecer a campanha Novembro Azul e a importância de realizar exames regulares como PSA, ultrassonografia, dentre outros e assim, ter um diagnóstico precoce”, disse a enfermeira do núcleo de vigilância, Bárbara Gabriella Silva. “Nosso objetivo foi alcançar a todos os colaboradores do hospital, alertando sobre o autocuidado e realizando a educação preventiva. Em caso do câncer de próstata em fases iniciais, a chance de cura é superior a 90%”, enfatizou a coordenadora da Psicologia, Flávia Zenha.

A campanha – No Brasil, o Novembro Azul foi criado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, com o objetivo de quebrar o preconceito masculino de ir ao médico e, quando necessário, fazer o exame de toque. A campanha tem ampla divulgação e apoio de vários segmentos.